Recuperação pós-parto: como voltar a estar em forma

Mãe cuidada, bebé feliz

655
Recuperação pós-parto: como voltar a estar em forma
Want create site? With Free visual composer you can do it easy.

A recuperação pós-parto é encarada como algo que acontece, como um período após o nascimento mas, na realidade, é algo que as mulheres devem fazer acontecer.

É frequente dizer-se que gravidez não é doença, sendo verdade, há muitas coisas a acontecer dentro do corpo de uma mulher das quais é preciso cuidar  antes, durante e depois da gravidez para evitar consequências graves no futuro.

Tenha o seu corpo de volta

Descubra os tratamentos não invasivos.

Marque Já a sua Consulta de Avaliação Gratuita

Quando tempo demora a recuperar do parto?

“O músculo pélvico estica três vezes o seu comprimento normal no parto“, diz Janis M. Miller, da Escola de Enfermagem da Universidade de Michigan, responsável por um estudo sobre os impactos do parto no corpo feminino, cujos dados revelam que “é necessário muito tempo de recuperação”. Miller lamenta que “não é dado tempo suficiente às mulheres para recuperarem do esforço exigido pelo trabalho de parto.”

Apesar daquilo que possa ler em fóruns e grupos de mães nas redes sociais, a grande maioria das mulheres não cabe na roupa que vestia antes de engravidar no dia em que regressa a casa, nem tem relações sexuais três dias depois do parto.

Na verdade, vários estudos demonstram que a recuperação pós-parto pode demorar entre 8 a 10 meses. Importa ainda frisar que a recuperação pós-parto não acontece sem que exista algum trabalho no que diz respeito à alimentação, ao exercício físico e  ao acompanhamento médico.

Quais são as consequências do parto?

O peso aumenta, a pele estende, os órgãos ajustam-se. A gravidez e o parto são momentos mágicos mas podem ser um duro golpe para o corpo de uma mulher. Além dos quilos e centímetros a mais, há alterações internas que precisam de ser cuidadas atempadamente.

O músculo e o pavimento pélvico, responsáveis por suportar diversos órgãos, nomeadamente, a bexiga, o intestino, o reto e a vagina, os seus músculos e ligamentos, merecem um cuidado especial na recuperação pós-parto. Depois do nascimento, os músculos do pavimento pélvico podem deslocar-se ou perder a tonicidade, o que pode resultar em problemas de obstipação, dor durante as relações sexuais, dor perineal, dor nas costas ou incontinência urinária e fecal.

Pode dizer-se que, depois de um parto, estas consequências são comuns, todavia, a sua permanência não é, de todo, normal, e pode e deve ser imediatamente tratada. Se sentir alguma das consequências do parto que indicamos acima (ou outras), não adie o tratamento e consulte o especialista mais adequado ao seu caso.

O que fazer para uma boa recuperação pós-parto?

A recuperação pós-parto, como em tudo na vida, começa de dentro para fora e o mais cedo possível, de preferência, ainda durante a gravidez. Se evitar mudanças drásticas durante a gestação, mais rápido e fácil será recuperar o seu corpo.

É importante, para uma boa recuperação pós-parto, que durante as semanas de gestação, tenha uma alimentação equilibrada, ingerindo apenas as calorias necessárias (não, não precisa comer por dois) e acertadas. O exercício físico, ainda que moderado, deve ser uma constante durante a gravidez e depois do parto. Sem esquecer que deve beber, pelo menos, oito copos de água por dia.

Depois do nascimento, há trabalho importante a fazer, tanto a nível clínico quanto estético. Após a consulta de rotina de ginecologia, é imprescindível uma avaliação por um profissional de fisioterapia, especialista em uroginecologia, para avaliação e tratamento de qualquer patologia. Recordamos que a perda de urina, ainda que pequena, não é normal, tampouco deve aguardar que piore para a tratar (este adiamento pode resultar na necessidade de uma intervenção cirúrgica desnecessária) na mesma medida em que não adia o tratamento de uma cárie até ao ponto em que será necessária a extração do dente, certo?

A saúde estética também tem uma palavra a dizer na recuperação pós-parto para tratar problemas relacionados com flacidez, celulite, gordura localizada, acne, estrias ou hiperpigmentação, por exemplo, que tanto podem afetar a autoestima de uma mulher após o nascimento e, inclusive, contribuir para um quadro de depressão pós-parto.

Quer recuperar o seu corpo após o parto?
Recuperar a silhueta após a gravidez é um objetivo difícil! Descubra os tratamentos não invasivos que podem ajudar a recuperar a sua antiga forma.
Marque Já a sua Consulta de Avaliação Gratuita

Quais são os melhores tratamentos pós-parto?

Nas Clínicas Bodyscience encontra os melhores tratamentos estéticos para ajudar na recuperação pós-parto. Com mais de 10 anos de experiência e 30 mil clientes satisfeitos, conta com profissionais experientes e capazes para auxiliar na redefinição corporal pós-parto.

Para eliminar a celulite e as estrias, tratar a retenção de líquidos e combater a flacidez, a Endermologia LPG, Radiofrequência Tripolar Cronus ou Pressoterapia são algumas das melhores soluções, indolores e sem riscos, que garantem resultados logo após as primeiras sessões.

  • Endermologia LPG: uma drenagem linfática mecanizada que tonifica a pele, combate a retenção de líquidos e proporciona uma sensação de bem-estar.
  • Radiofrequência Tripolar Cronus: um tratamento inovador, de tripla ação, que trabalha em todas as camadas da pele, para reduzir a celulite e a flacidez.
  • Pressoterapia: uma solução três em um, para tratar a gordura localizada, eliminar a celulite e desintoxicar o corpo.

Agora que é mãe, não se esqueça que para cuidar do seu bebé, tem primeiro que cuidar de si. Não descure o cuidado do seu corpo, atue imediatamente para evitar consequências graves.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe o seu Comentário